Notícias

XP Commodities - Acompanhamento diário do mercado de milho (01/10)

Em Campinas (SP), referências do milho com valorizações. A alta do Dólar e os baixos estoques estimados pelo USDA são os pontos chave. Ontem (30/09), o Departamento de Agricultura Norte Americano reduziu em -78,44 MT ou 59,4% sua estimativa para os Estoques Trimestrais de milho, agora, em 53,7 MT. A expectativa era de redução, mas um montante menor que o divulgado (aguardavam 61,40 MT de estoque e redução de 70,70 MT). O número surpreendeu boa parte do mercado e, junto com a valorização do dólar frente ao real, tem gerado pressão altista. As indicações de porto, inclusive, sobem na esteira do mercado externo e, agora, estão em torno de R$ 40,50/sc. O mercado físico brasileiro, porém, pouco realiza. O fluxo de comercialização é praticamente nulo, visto que nem compradores e nem vendedores possuem necessidade imediata. A amostra da XP Investimentos tem média de R$ 38,95/sc, valorização de R$ 0,22/sc no dia. Dado início do plantio em praticamente todo o Centro-Oeste, especulações climáticas acontecem.

Área restrita

Entre em contato

Receber newsletter


Copyright 2013 Coan Consultoria